Mistério Parcialmente Solucionado: onde está a bebê Hollie Clouse?

Em outubro de 2021, o marido da norte-americana Debbie Brooks disse que havia dois genealogistas a procurando. A coisa era urgente, disse ele, e Brooks não entendeu nada. Horas...

Em outubro de 2021, o marido da norte-americana Debbie Brooks disse que havia dois genealogistas a procurando. A coisa era urgente, disse ele, e Brooks não entendeu nada. Horas depois, ela atendeu o telefonema de uma mulher que se identificou como Allison Peacock, genealogista forense da FHD Forensics, uma empresa que auxilia a aplicação da lei no uso da genealogia genética. Peacock foi direta:

— Você tem algum parente que desapareceu há muito tempo?

— Sim. Eu tenho um irmão que desapareceu há 40 anos. O nome dele é Harold Dean Clouse — respondeu Brooks.

— Nós o achamos. Ele foi assassinado. O corpo dele foi encontrado em janeiro de 1981.

— Meu Deus! […] E a bebê?

— Que bebê?

40 ANOS DE MISTÉRIO


O irmão de Brooks, Harold, tinha 22 anos quando saiu de sua casa na Flórida para trabalhar no Texas. Ele levou junto sua jovem esposa Tina, 18, e a filha do casal, Hollie, de apenas 1 ano. O casal estava começando a vida e as coisas dando certo para eles já que Harold conseguiu um emprego na cidade texana de Houston. Uma foto tirada pouco antes de partirem mostra um casal feliz sentado ao lado da garotinha que leva uma chupeta na boca.

Pouco depois de deixarem a Flórida, Harold, Tina e Hollie sumiram. Ninguém nunca mais ouviu falar deles.

Em 12 de janeiro de 1981, um cachorro que perambulava por uma área de mata ao lado da autoestrada Wallisville, no Texas, apareceu para seu dono com um osso humano na boca. A sinistra descoberta levou a polícia aos corpos em decomposição de um homem e uma mulher, ambos jovens, espancados e estrangulados até a morte. Eles, porém, não foram identificados e seus nomes permaneceram um mistério por 40 anos.

Trinta anos depois, os restos mortais foram exumados para extração de DNA e, em 2021, com os incríveis avanços da genealogia genética, Peacock pediu autorização para testar as amostras de DNA no GED Match, um site de genealogia que permite a qualquer pessoa compartilhar sua informação genética com agências da lei de todo país. Em menos de 10 dias Peacock identificou Harold.

Apesar da identificação, perguntas permanecem: Quem matou Harold e Tina? Hollie está viva? Se sim, onde está Hollie Clouse?

Nos últimos anos, milhões de pessoas vem compartilhando seu DNA em sites de genealogia como o GEDmatch.com ou familytreeDNA.com. Os bancos de dados desses sites vem ajudando pessoas a se conectarem com parentes distantes e desconhecidos. No campo forense, a genealogia se tornou uma poderosa ferramenta de investigadores de polícia na caça por estupradores e assassinos desconhecidos. A captura do assassino em série Joseph DeAngelo foi o caso que colocou a genealogia genética no topo da investigação forense nos últimos anos.

Em relação ao caso Harold & Tina, uma linha de investigação trabalha com a possibilidade do casal ter sido assassinado por membros de uma seita religiosa, que roubou a pequena Hollie. É possível que Hollie seja identificada através da genealogia genética, basta ela ou um filho/neto compartilhar seu DNA em algum site ou, então, caso algum filho/neto cometa algum crime e tenha seu DNA extraído pela lei. Isso pode acontecer hoje ou nas décadas futuras (basta algum descendente dela ter seu DNA público).

Fontes consultadas: [1] After 40 years, a murdered Houston couple has finally been identified. Where is their missing baby?. Houston Chronicle; [2] Couple murdered in Houston in 1981 identified; daughter, now 41, still missing. NBC News; [3] 40-year cold case solved … partially. Where is 1-year-old Hollie Marie Clouse?. KHOU.

Podcasts OAV


Escute os podcasts do OAV Crime em nosso site de podcasts ou no agregador de sua preferência.

Apoie o OAV


Apoie o nosso trabalho. O OAV Crime precisa do seu apoio para continuar a crescer, disponibilizando textos e podcasts de qualidade, assim como o desenvolvimento de outros projetos. Acesse a página abaixo e saiba como apoiar.

Por:


Daniel Cruz
Texto

Assine o nosso projeto no Catarse

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." (Platão)
Deixe o seu comentario:

RELACIONADOS

Receba nosso conteúdo por e-mail!

Digite o seu endereço de e-mail:

OAV Crime no WhatsApp!

OAV no Whatsapp

OAV Crime no Telegram!

OAV no Whatsapp

OAV Crime no Twitter

As últimas notícias

Categorias

×

Powered by WhatsApp Chat

× Receba nosso conteúdo no WP