Rashell Ward: homicídio é solucionado 40 anos depois

Red Bluff, na Califórnia, cidade interiorana com pouco mais de 10 mil habitantes, não era o tipo de lugar que dava trabalho à delegacia local. Mas isso mudou em...

Red Bluff, na Califórnia, cidade interiorana com pouco mais de 10 mil habitantes, não era o tipo de lugar que dava trabalho à delegacia local. Mas isso mudou em março de 1983, quando alguém telefonou e disse ter avistado o que parecia ser um homem em cima de outro, agredindo-o em uma estrada deserta. O xerife Ron Koenig, acompanhado de alguns policiais, foi até o local, procurou, mas não encontrou nada. Uma hora depois, outra ligação chegou ao xerife, dessa vez com notícias que mudariam para sempre Red Bluff.

Um fazendeiro havia encontrado um corpo em sua propriedade. Koenig e seus homens ficaram impressionados com a visão: uma menina amarrada, estuprada e morta com um tiro na parte de trás da cabeça. O facínora bateu nela, a amarrou e descarregou sua monstruosidade, violando-a, então friamente a executou enquanto jazia sem forças deitada de bruços no chão de terra.

A vítima tinha apenas 14 anos e seu nome era Rashell Ward. Naquela manhã, como fazia todos os dias, Ward saiu de casa para ir até a escola, uma caminhada de cinco quadras. Mas ela não chegou ao seu destino, pois no meio do caminho alguém decidiu que a usaria para alimentar seus desejos doentios.

Ward estudava na única escola de Red Bluff, que só tinha 8 alunos e uma professora, todos muito unidos. De uma hora pra outra um deles se foi. O crime traumatizou os estudantes e chocou a religiosa cidade, que via o homicídio como algo muito distante, coisa de televisão. Houve muita comoção no enterro, que parou toda região.

Solucionar essa maldade nunca antes vista em Red Bluff se tornou uma questão de honra para os detetives.

UM MISTÉRIO


Por 40 anos o homicídio de Rashell Ward permaneceu um mistério. A investigação foi atrapalhada por uma série de pistas falsas. Um assassino em série confessou o crime. Mas era mentira. Foi o xerife Koenig. Não foi.

Um único fio de cabelo sem raiz, pertencente ao homicida, foi encontrado no corpo da vítima e guardado durante décadas. Em 2022, com os avanços da genealogia genética, detetives pediram ajuda ao FBI. Em 18 de outubro de 2023, autoridades do condado vieram com a notícia tão esperada: o assassino foi identificado.

E ele sempre esteve em Red Bluff.

O amalucado assassino em série Henry Lee Lucas confessou o crime, mas a confissão provou-se ser mentirosa. Então, como o crime não era solucionado, rumores em Red Bluff apontaram para o xerife Koenig como autor do crime. Ele foi investigado, mas nada contra ele foi provado.

O caso nunca foi fechado e por décadas investigado por novas gerações de detetives. Com o avanço da tecnologia de DNA, em 2022, o fio de cabelo foi enviado para a empresa Astra Forensics e um arquivo completo de genótipo foi gerado e enviado ao FBI, que trabalhou no processo de investigação genealógica.

O nome de Johnny Coy logo se tornou evidente. Parentes de Coy, moradores de Red Bluff, aceitaram fornecer DNA para comparação, e o resultado mostrou que o assassino de Rashell Ward era um parente deles. O DNA de Coy, guardado no banco de dados do sistema prisional, teve de ser reanalisado usando a tecnologia atual. O novo resultado encaixou-se perfeitamente com o DNA do fio de cabelo.

Referências: [1] Attacker Sought In Girl’s Death. The Sacramento Bee. 5 mar. 1983. Pág. A10; [2] Fatal encounter of victims tied to interstates. Austin American-Satesman. 11 dez. 1983. Pág. A8; [3] Mass killer questioned about girl. The Sacramento Bee. 31 ago. 1984. Pág. B6; [4] Rashell Ward murder case solved. Red Bluff Daily News. 18 out. 2023.

Siga OAV Crime no Instagram


Por:


Daniel Cruz
Texto

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." (Platão)
Deixe o seu comentario:

RELACIONADOS

Receba nosso conteúdo por e-mail!

Digite o seu endereço de e-mail:

OAV Crime no WhatsApp!

OAV no Whatsapp

OAV Crime no Twitter

As últimas notícias

Categorias

×