Jeffrey Dahmer: policiais envolvidos no caso Konerak Sinthasomphone se aposentaram com honras

Nas primeiras horas de 23 de julho de 1991, o policial John Balcerzak foi acordado com um telefonema urgente. Do outro lado da linha, o investigador Pat Kennedy, do...

Nas primeiras horas de 23 de julho de 1991, o policial John Balcerzak foi acordado com um telefonema urgente. Do outro lado da linha, o investigador Pat Kennedy, do Departamento de Polícia de Milwaukee (MPD), ordenou que ele se apresentasse imediatamente. Pat queria tirar a limpo uma história com Balcerzak. É que horas antes, policiais prenderam um homem suspeito de homicídio. No MPD, o suspeito desatou a confessar homicídio atrás de homicídio e contou uma história inacreditável envolvendo um garoto asiático nu.

Balcerzak chegou no MPD já pálido como um fantasma. Naquele momento o circo jornalístico já havia se estabelecido em frente aos Apartamentos Oxford, um lugar que Balcerzak conhecia muito bem, e rumores sobre o que se passava circulava por toda Milwaukee. O MPD estava o caos com gente entrando e saindo, e todo mundo querendo ter a sua parte na investigação. “Qual o problema Pat?”, perguntou Balcerzak. Kennedy, então, contou a história do garoto asiático nu e de como o homem preso relatou que Balcerzak e seu parceiro levaram o menino de volta até o seu apartamento. “Ele disse que matou o cara depois que vocês foram embora,” disse Pat. Nesse momento, Balcerzak arregalou os olhos e seu rosto ficou sem cor. Ele não foi capaz de dizer uma palavra e Pat o tranquilizou dizendo que precisava que ele e seu parceiro detalhassem tudo o que havia acontecido na fatídica noite e que não falassem com mais ninguém.

E assim Balcerkaz o fez. Seu calvário, porém, estava apenas começando.

KONERAK


Muitos ficaram desapontados com a abordagem do caso Konerak Sinthasomphone na série Dahmer: Um Canibal Americano. No geral, o evento foi muito mal explorado e carregado de ficção. Mas deixando a série de lado, na época, a revelação levou o caso Dahmer a um novo patamar de interesse e reflexão. O incidente é mais do que a morte de um ser humano pelas mãos de outro, é um conto de preconceito, insensibilidade e indiferença para com o semelhante.

John Balcerzak e seu parceiro Joseph Gabrish foram demitidos do MPD devido ao clamor gerado pela indignação pública. Quando a poeira baixou, ambos voltaram para suas carreiras policiais. Os dois se aposentaram com honras.

Veja no vídeo abaixo o áudio original da ocorrência envolvendo Jeff Dahmer e Konerak Sinthasomphone em 27 de maio de 1991. Enquanto Balcerzak dá o retorno em tom jocoso, Gabrish dá risadas ao fundo.

.

  • TUDO o que já foi publicado no OAV Crime sobre Jeffrey Dahmer: CLIQUE AQUI

Siga OAV Crime no Instagram


Apoie o OAV


Apoie o nosso trabalho. O OAV Crime precisa do seu apoio para continuar a crescer, disponibilizando textos e podcasts de qualidade, assim como o desenvolvimento de outros projetos. Acesse a página abaixo e saiba como apoiar.

Por:


Daniel Cruz
Texto

Assine o nosso projeto no Catarse

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." (Platão)
Deixe o seu comentario:

RELACIONADOS

Receba nosso conteúdo por e-mail!

Digite o seu endereço de e-mail:

OAV Crime no WhatsApp!

OAV no Whatsapp

OAV Crime no Twitter

As últimas notícias

Categorias

×